Horner espera que relação de forças continue mudando na Europa

Red Bull marcou oito pontos a mais que nas primeiras quatro provas do ano passado, mas chefe não canta vitória

O chefe da Red Bull, Christian Horner, acredita que a relação de forças entre as equipes continuará mudando mesmo após o início da temporada europeia. O dirigente vê a Red Bull brigando especialmente com Ferrari e Lotus, além de destacar a força da Mercedes na classificação.

“A Ferrari está forte. A Lotus tem um carro bom. A Mercedes certamente é muito forte em uma volta e o resto está um passo atrás. Então está apertado e tenho certeza de que vai variar novamente dependendo do circuito na Europa.”

Horner destacou que, embora não seja claramente o melhor carro, a Red Bull aproveitou o início da temporada para acumular alguns bons resultados, com as vitórias na Malásia e no Bahrein e mais dois outros pódios. No total, a equipe somou oito pontos a mais do que nas quatro primeiras provas do ano passado, quando terminou o ano com o título.

“Voltar para a Europa tendo vencido duas das quatro primeiras provas e tendo ainda um segundo lugar representa um início forte para a nossa campanha.”

Mais forte ainda foi o início de Sebastian Vettel. Ano passado, o alemão somou 53 pontos nas quatro primeiras etapas e, nesta temporada, já tem 77.

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Tipo de artigo Últimas notícias