Irritado, Raikkonen culpa Ferrari por eliminação no Q1

Finlandês ficou em 18º após perder última volta da primeira sessão por ter saído dos boxes tarde demais.

Pela segunda corrida consecutiva a Ferrari tem um de seus carros sendo eliminado na classificação durante a primeira fase. Kimi Raikkonen não conseguiu fazer melhor que um 18º no Q1, caracterizado pela pista úmida, e foi eliminado prematuramente da batalha pelo grid. Contudo, com as punições a Red Bull e McLaren, o piloto sairá de 14º.

Irritado, Raikkonen expressou surpresa no rádio depois que foi informado de que não havia conseguido passar para o Q2. "Como isso é possível, p****?", esbravejou.

"Tive algumas informações da equipe que, obviamente, estavam erradas", disse Raikkonen após a classificação.

"Estava fazendo a mesma coisa que tinham me dito quando saí, e não tive a informação de que o primeiro plano não era mais possível. Perdemos a volta. Estava basicamente fazendo a mesma coisa, e não me falaram que o plano havia mudado. O ponto é que eles me colocaram tarde demais na pista e perdemos uma volta, o que nos custou muito.”

"Houve um erro em algum momento e eles me mandaram muito tarde. O plano mudou em um ponto, mas eu não fui avisado."

O piloto da Ferrari acha que terá uma corrida difícil, especialmente porque teme que podem haver problemas nas três primeiras curvas.

"Não é o ideal. Deveríamos estar muito mais na frente", disse ele.

"Vamos tentar fazer o nosso melhor. É uma longa reta, mas também temos duas curvas muito complicadas para o meio do pelotão, por isso as chances de algo acontecer são muito maiores."

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP da Áustria
Sub-evento Sábado classificação
Pista Red Bull Ring
Pilotos Kimi Raikkonen
Equipes Ferrari
Tipo de artigo Últimas notícias