Jenson Button admite que McLaren não está onde esperava

Inglês, que larga em sétimo, reconhece que não acertou sua volta rápida e espera que o ritmo de corrida seja melhor que o da classificação

Button larga apenas em sétimo no GP do Canadá

Frustrado com a sétima posição no grid para o GP do Canadá, Jenson Button revelou que a McLaren não esperava ficar tão atrás de Red Bull e Ferrari, mas acredita que o ritmo de corrida seja melhor.

“É sempre frustrante quando você não é rápido. Não tínhamos o ritmo que pensávamos ter. Sabemos que nosso ritmo de corrida é melhor do que o de classificação mas estou surpreso com a classificação que largo. Muita coisa pode acontecer, é um circuito em que se pode ultrapassar, vamos esperar que sejamos mais velozes amanhã.”

O inglês admitiu que não fez uma volta perfeita, mas salientou que o companheiro, Lewis Hamilton, também larga atrás, apenas em quinto. “Minhas voltas não estavam muito boas, então comecei a forçar mais do que deveria e acabei perdendo tempo. Lewis nunca tinha largado fora da pole aqui, o que mostra a situação em que estamos.”

Button negou que a McLaren tenha optado por um acerto voltado para a chuva, esperada para amanhã.

“Hoje em dia, não se acerta o carro para a chuva. Estamos tão acostumados a chover no meio da prova, que temos um acerto otimizado que serve para ambos. Será um corrida divertida, isso é certo."

A estratégia é sempre importante, mas você precisa primeiro de um bom carro. Como é posível ultrapassar aqui, provavelmente veremos mais paradas do que em Mônaco. Esperamos que nosso ritmo seja melhor que dos carros ao nosso redor amanhã. Nossos long runs foram razoavelmente bons e estou positivo para amanhã.”

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP do Canadá
Pilotos Jenson Button
Tipo de artigo Últimas notícias