Jenson Button nega ambiente tenso com Hamilton na McLaren

Porém, inglês admite que os dois não são "melhores amigos" e critica decisão do companheiro de ir para a Mercedes

O recente episódio do twitter, quando Lewis Hamilton se mostrou indignado quando achou que Jenson Button deixara de acompanhá-lo na rede social – para logo depois voltar atrás – demonstrou certa tensão dentro da equipe McLaren.

Contudo, mesmo dizendo que ele e Hamilton não são “amigos próximos” e considerando a mudança do inglês para a Mercedes a partir de 2013 um erro, Jenson Button nega que a relação com o companheiro nos últimos três anos tenha se deteriorado nas últimas semanas. “É incrível como as pessoas têm opiniões sobre essa equipe e nenhuma delas é verdadeira”, afirmou ao The Guardian. “O clima é fantástico. Pelo que posso ver com Lewis, ele está focado e quer vencer corridas. Nada mudou, só a visão de algumas pessoas dentro de uma grande audiência e elas precisam rever seus conceitos”.

Button deixou claro que não concorda com a saída de Hamilton da McLaren após seis temporadas na equipe de Woking. “Ele escolheu sair no final do ano. É sua decisão, ainda que pessoalmente não acredito que seja a correta. Não somos amigos próximos. Trabalhamos juntos e temos uma boa relação de trabalho. Se achamos que há algo de errado com o carro, trabalhamos nisso”.

Button garantiu, ainda, que a McLaren não deixará de apoiar Hamilton mesmo com sua saída confirmada. Afinal, o piloto é o mais bem posicionado dentro da equipe, em quarto, a 62 pontos do líder Sebastian Vettel. “A equipe dará tudo a Lewis porque ele pode dar ao time a chance de vencer corridas, assim como eu. Eles se importam com os pilotos, mas também em vencer. Nada mudará nessa equipe em termos de correr com ambos os pilotos sempre”.

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Pilotos Jenson Button , Lewis Hamilton
Tipo de artigo Últimas notícias