Kamui Kobayashi lamenta má sorte das últimas corridas

Vendo a Sauber perder terreno para Force India e Toro Rosso, japonês se diz animado para correr nas ruas de Cingapura

Kobayashi não marca pontos a três corridas

Com apenas dois pontos nas últimas quatro corridas, a Sauber vem perdendo terreno no Mundial de Construtores para Force India e Toro Rosso. Contudo, para Kamui Kobayashi, a equipe só precisa de um pouco mais de sorte para obter os resultados.

“Nós poderíamos ter marcado pontos com ambos os carros [em Monza]. Mesmo em Spa, eu poderia ter chegado entre os 10 primeiros mesmo com o problema na asa dianteira. Mas temos tido problemas, não tem o que fazer. Acho que temos o potencial de marcar pontos.”

Somado a isso, o japonês também acredita que o carro tenha ficado um pouco atrás em relação aos rivais no decorrer do ano.

“Tivemos alguns problemas com a caixa de câmbios da Ferrari, então não pudemos fazer nada a respeito. Mas acho que o principal problema é a velocidade de desenvolvimento do carro.”

Para Cingapura, Kobayashi se mostra animado com o traçado, mas não crê que será fácil fazer sua especialidade: ultrapassar.

“Normalmente, me dou bem em circuitos de rua – e ano passado fiz uma boa classificação. Estou muito positivo. Acredito que, com a asa traseira móvel, será muito mais fácil ultrapassar. Mas o problema aqui é que todos usam o mesmo traçado e, por ser um circuito de rua, é muito escorregadio fora da linha ideal.”

(Colaborou Luis Fernando Ramos, de Cingapura)

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP de Cingapura
Pilotos Kamui Kobayashi
Tipo de artigo Últimas notícias