Kevin Magnussen não vê garantias em chegar à Fórmula 1

Piloto dinamarquês entende que precisa se desenvolver: “Sei que todo o trabalho foi apenas para chegar até a porta da F-1”

Mais rápido do teste da semana passada em Jerez de la Frontera, Kevin Magnussen não se iludiu com o resultado. Para ele, ainda precisa de muito tempo e muita experiência na Fórmula 1 para se tornar um bom piloto. Ainda assim, Kevin admite que ainda não se deu conta de estar vivendo em 2014 o mundo na Fórmula 1.

"Eu sou incrivelmente grato pela oportunidade que me foi dada, e de uma forma que ainda não me dei conta", disse Magnussen ao site da Fórmula 1.

"Quando eu entrei no carro pela primeira vez em Jerez, quinta-feira passada, ainda me sentia um pouco estranho. Mas tenho certeza de que não há garantias neste mundo, então agora estou focando no trabalho que eu preciso fazer para justificar o privilégio de ser um piloto de Fórmula 1.”

O piloto também falou que precisa se concentrar em acumular o máximo possível de tempo no MP4-29. "Eu certamente não tenho nada como garantido. Eu sei que todo o trabalho que fiz nas fórmulas juniores foi apenas o suficiente para me levar até a porta da Fórmula 1, e agora eu estou tendo que começar tudo de novo para provar que mereço a oportunidade de ficar aqui."

"Ok, eu sou um novato, mas eu não vou concentrar demais em me preocupar com o que não posso controlar. Além disso, mesmo para os pilotos mais experientes, há sempre mais uma volta que você pode fazer para se sentir mais preparado. Meu objetivo é trabalhar duro para chegar confortável com o carro na Austrália. Confortável o suficiente para que eu possa realmente no limite dele”, finalizou.

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Pilotos Kevin Magnussen
Tipo de artigo Últimas notícias