Kimi acha que campeonato "pode ir para um lado ou para o outro"

Após assumir a vice-liderança, finlandês destaca que ainda é cedo e reconhece dificuldade com novos pneus

Mesmo chegando na frente de Sebastian Vettel e tomar a vice-liderança no GP da Hungria, Kimi Raikkonen viu a vantagem do alemão aumentar na ponta do campeonato. Porém, ainda que o alemão tenha 38 pontos de sobra, o finlandês lembra que faltam nove etapas para o final e muita coisa pode acontecer.

“Ainda tem metade da temporada pela frente, então as coisas podem ir para qualquer direção. Vamos continuar tentando fazer nosso melhor, nos colocar na melhor posição possível e esperar que as coisas deem certo.”

A única certeza de Raikkonen é que o rendimento da Lotus precisa melhorar para que ele possa sonhar com o bicampeonato.

“Obviamente, precisamos melhorar o carro e nos certificar que conseguiremos usar bem os pneus. Nesta corrida, o acerto não foi o ideal para mim. Mas estamos aprendendo e vamos tentar melhorar para a próxima.”

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP da Hungria
Pilotos Kimi Raikkonen
Tipo de artigo Últimas notícias