Kimi Räikkönen vê Ferrari próxima da Mercedes em ritmo de corrida

Mesmo com abandono na Austrália, finlandês se mantém otimista com sequência do campeonato

Kimi Räikkönen acabou sendo forçado a desistir do GP da Austrália após um problema em seu segundo pit stop, quando ocupava a quinta posição na corrida. O abandono foi infeliz para o o piloto da Ferrari, que acredita que em rimo de corrida a Ferrari éo carro que mais se aproxima da Mercedes, atualmente melhor carro do grid.

[publicidade]"Eu acredito que na corrida não estamos longe de Mercedes", disse Räikkönen. "Estou certo de que podemos estar lá em cima e lutar na frente.”

"Obviamente, isso depende da corrida e que eles fazem, mas tivemos muitas coisas não foram bem para nós nesta corrida.”

"Mesmo com o dano no assoalho na parte traseira e também com a placa final da asa dianteira danificada no segundo pit stop, o carro ainda era rápido. Eu acredito firmemente que temos um carro de corrida bom. Bom para uma volta também.”

"É óbvio que não somos rápidos o suficiente ainda, mas eu acho que a diferença na corrida é muito menor do que a classificação.

"Temos que melhorar na classificação, já que Mercedes está à nossa frente por alguma margem."

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Tipo de artigo Últimas notícias