Kobayashi lamenta queda de rendimento com a pista seca

Largando em 13º, japonês chegou a andar em segundo quando a chuva apertou, mas terminou em sétimo

Kobayashi segurou Massa na metade da prova

Kamui Kobayashi chegou a ficar em segundo lugar quando a pista estava molhada, mas o rendimento do japonês caiu com o traçado seco. No fim, o piloto da Sauber teve de se contentar com o sétimo lugar.

"Marcamos pontos e, no final das contas, é isso que importa. Provamos que somos bons no molhado, mas quando a pista secou, não esivemos bem o bastante para defender posições. Classifiquei em 13º, então não é ruim ter chegado em sétimo, mas estava em segundo depois da bandeira vermelha e, olhando por esse lado, o resultado foi desapontante. Realmente tentei terminar em uma posição melhor, mas não deu”.

>> >> >> >> >> >> >> >>
Ao voltar ao cockpit para disputar uma corrida após nove meses, Pedro de la Rosa foi o 12º.

“Primeiramente, gostaria de agradecer a FIA. Eles pararam a corrida quando ficou perigoso demais e acho que todos os Safety Cars foram corretos. Não dava para ver de fora, mas estava aquaplanando em toda mudança de marcha. Estava em nono quando Jenson e eu nos tocamos e tive de parar para trocar a asa dianteira. Isso arruinou a minha corrida.. Foi uma prova muito movimentada, especialmente para alguém que tinha acabado de entrar no carro. Não vou esquecer esses dias aqui, com certeza.”

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP do Canadá
Pilotos Kamui Kobayashi
Tipo de artigo Últimas notícias