Kobayashi se mostra preocupado com torcedores nos EUA

Japonês acha importante correr no país, mas torce o nariz para circuito afastado: "Talvez tivesse sido uma ideia melhor fazer um circuito de rua"

Kobayashi afirmou ainda que a F-1 é muito importante para o Japão

Kamui Kobayashi como sempre surpreende. Perguntado sobre a estreia do GP dos Estados Unidos em Austin, no Texas, ano que vem, o japonês demonstrou ao TotalRace preocupação – com os torcedores.

“Acho legal corrermos nos Estados Unidos. É um país muito grande e nós temos de estar lá. Afinal este é um campeonato mundial. Mas o fato de ser um circuito permanente fora da cidade não é bom. Para os torcedores, o ideal é ter um bom hotel e que dê para ir para a pista a pé. Ninguém gosta de pegar um grande engarrafamento depois da corrida. Talvez tivesse sido uma ideia melhor fazer um circuito de rua, em que as pessoas cheguem fácil e possam ver os carros de muito perto.”

O piloto da Sauber aproveitou para valorizar ainda seu evento local. Kobayashi afirmou que o povo japonês valoriza muito mais a F-1 do que os demais eventos automobilísticos no país.

“O GP do Japão sempre tem muitos torcedores e isto é muito significativo. Normalmente nos campeonatos nacionais no Japão, não há muitos torcedores. Mas a prova em Suzuka é diferente, está sempre lotada mesmo com os ingressos custando cinco ou seis vezes mais que as corridas locais. Por isso a F-1 é muito importante para o Japão.”

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Pilotos Kamui Kobayashi
Tipo de artigo Últimas notícias