Kubica alerta sobre "jogo sujo" na cobertura do acidente de Schumacher

Polonês diz que se viu no início de 2011 em uma situação parecida com a que o heptacampeão se encontra no momento

Após um forte acidente de rali no início de 2011, Robert Kubica se viu próximo de nunca mais praticar o esporte a motor em alto nível. O polonês acredita que a situação que enfrentou naquela época seja semelhante à que Schumacher e seus familiares enfrentam agora, após o acidente do ex-piloto na estação de esqui de Méribel, na França.

Para Kubica, a mídia pode jogar um jogo duro com a família a troco de conseguir a qualquer custo novas informações de seu estado de saúde.

"Eu estava em uma situação semelhante e sei que a mídia pode jogar um jogo muito duro em um período muito difícil para ele, seus familiares e amigos próximos", disse Kubica.

No início desta semana um jornalista entrou no hospital de Grénoble fingindo ser padre, apenas para conseguir novas informações sobre o estado de saúde de Schumacher.

O polonês defendeu a prática de outras modalidades por pilotos e ex-pilotos, e disse que muitas vezes a falta de sorte acaba fazendo este tipo de acidente acontecer.

"É uma notícia dura e mostra que algo pode acontecer todos os dias", disse ele. "Quando eu tive o meu acidente de rali, as pessoas me perguntaram por que eu fazia aquilo, e que eu não deveria fazer. Mas quando você gosta de fazer algo que é normal e queira fazer, não importa. Você pode esquiar calmamente e um monte de coisas se juntam.”

"Desejo-lhe tudo de melhor, e definitivamente mantenho meus dedos cruzados para que ele se recupere e tudo fique bem."

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Tipo de artigo Últimas notícias