Lotus coloca uma volta nas escuderias Hispania e Virgin

Em sua melhor corrida até hoje, time que estreou ano passado se classifica com Kovalainen à frente de Maldonado e Perez

Kovalainen superou uma Williams e uma Sauber no GP da China

O GP da China marcou o melhor desempenho da Lotus em sua curta história na categoria. Após um ano e três GPs de vida, o time de Heikki Kovalainen e Jarno Trulli conseguiu colocar um de seus carros à frente da Williams de Pastor Maldonado e da Sauber de Sergio Perez. Isso, em uma corrida sem intervenção de chuva ou Safety Car.

Ainda por cima, tanto o italiano, que foi o 19º, quanto o finlandês, 16º, colocaram uma volta em cima das escuderias Hispania e Virgin.

“É nossa melhor perfomance. Não é nossa melhor posição de chegada, mas hoje batemos dois carros de equipes médias em uma briga franca, estou muito feliz. Sabíamos que havíamos tido dificuldades ontem com o frio, mas a temperatura subiu e pudemos  fazer jus ao ritmo do carro”, afirmou Kovalainen, por meio da assessoria de imprensa da equipe.

Mesmo bem atrás do companheiro, Trulli também gostou do resultado.

“Meu pit stop não foi tão bom e ainda tenho problemas com a degradação de pneus, mas o resultado de hoje é do time. Mostramos que estamos nos desenvolvendo exatamente como queríamos e isso é uma grande motivação para todos."

>> >> >> >> >> >>

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP da China
Pilotos Jarno Trulli , Heikki Kovalainen
Tipo de artigo Últimas notícias