Lotus mira em roubar terceiro posto da Ferrari no campeonato

Dono da equipe vê o E22 como o carro mais próximo da Red Bull após o oitavo lugar de Grosjean na Espanha

Após conquistar seus primeiros pontos na temporada no GP da Espanha, com o oitavo lugar de Romain Grosjean, a Lotus realinhou suas metas para o ano: agora, quer bater a Ferrari no mundial de construtores.

A diferença de pontos para a atual terceira colocada na tabela  é de 62 pontos, mas o dono do time, Gerard Lopez, acredita que o E22 demonstrou em Barcelona que é o terceiro carro mais rápido do grid. Na ocasião, Grosjean se classificou em quinto, à frente das Ferrari, e só foi ultrapassado na corrida quando teve um problema técnico.

“Falamos desde o início do ano que temos um carro muito bom. Mas tem sido duro. Tivemos um problema eletrônico no carro de Romain por algumas voltas, o que nos custou a briga com a Ferrari, mas tínhamos conseguido nos distanciar deles. Então talvez o resultado seria diferente e poderíamos ter lutado pelo quinto lugar [com a Williams de Valtteri Bottas] ou o sexto”, defende o dirigente.

“Então isso significa em teoria que temos o carro mais próximo da Red Bull. E isso quer dizer que podemos lutar e bater qualquer outro carro. Queremos lutar pelo terceiro ou quarto lugares no campeonato. Um quarto do ano se foi, com uma equipe tirando pontos da outra, e não está muito fácil para ninguém, exceto a Mercedes.”

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Tipo de artigo Últimas notícias