Lotus quer atropelar Ferrari e Mercedes nas etapas finais

A 33 pontos de chegar à vice-liderança entre as equipes, time acredita que já é melhor que seus dois maiores rivais

A Lotus está 23 pontos atrás da Mercedes e a 33 da Ferrari no Mundial de Construtores. Porém, após colocar pelo menos um piloto no pódio nas últimas três provas, a equipe se colocou na briga pelo vice-campeonato entre as equipes. Ainda há 172 pontos em jogo.

“A diferença era na casa dos 60 pontos e agora está nos 30, o que é muito bom em duas corridas”, salientou o chefe de operações de pista, Alan Permane. “O restante dos circuitos é muito similar a Coreia e Japão – os mesmos níveis de downforce. Também temos os pneus médios e macios para as próximas provas, o que será ótimo para nós.”

Além de se dar melhor com os pneus médios, como Romain Grosjean demonstrou ao liderar a primeira parte da prova em Suzuka, a Lotus ainda aposta que os rivais não vão melhorar seus carros.

“Somos mais rápidos que a Ferrari em classificação e na corrida, ainda que eles tenham Alonso, sua arma secreta”, apontou Permane. “Mas se continuar se classificando em oitavo até mesmo ele vai ter dificuldade. E a Mercedes tem um ritmo parecido em classificação, talvez sejamos um pouco mais lentos, mas acho que somos mais rápidos em corrida.”

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Tipo de artigo Últimas notícias