Luca di Montezemolo defende Massa e "cutuca" pequenas

Presidente da Ferrari, que era contra entrada dos times novos, ficou do lado de brasileiro no incidente envolvendo Karthikeyan no Canadá

Massa terminou o GP do Canadá em sexto

O presidente da Ferrari, Luca di Montezemolo, partiu em defesa de Felipe Massa no incidente envolvendo Narain Karthikeyan no GP do Canadá de F-1.

O brasileiro era o terceiro colocado na corrida chuvosa quando, ao dar uma volta sobre a Hispania do indiano, acabou rodando e batendo no muro, sendo obrigado a trocar o bico e perder a chance de pódio. No final, terminou em sexto.
 
Ao término da corrida, Massa culpou Karthikeyan pelo toque: "Eu estava o passando no molhado, ele acelerou, eu perdi o controle do carro e acabei no muro". O indiano revidou: "O jogo da culpa começa quando o seu lugar na equipe está ameaçado."
 
No entanto, em entrevista à emissora italiana "Sky Sports 24", Montezemolo, que era contra a entrada dos novos times (Hispania, Virgin e Lotus) em 2010, aproveitou a oportunidade para defender o seu piloto e criticar as equipes pequenas. "Este é o problema de carros lentos e pilotos inexperientes", resumiu.

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Pilotos Felipe Massa
Tipo de artigo Últimas notícias