Magnussen admite que McLaren tem poucas expectativas na Austrália

Depois de pré-temporada problemática, time de Woking não espera milagre durante abertura da temporada 2015

Kevin Magnussen disse hoje na Austrália que sua equipe McLaren não tem grandes expectativas no GP da Austrália, corrida que marca a abertura da temporada 2015 da Fórmula 1. O time teve uma pré-temporada difícil, que teve seu ponto mais baixo no dia 22 de fevereiro, com Fernando Alonso sofrendo um acidente até agora mal explicado no circuito de Barcelona.

[publicidade]O dinamarquês Magnussen foi chamado para correr o GP em Melbourne após o problema com Alonso, que ainda se recupera de seus acidente de cerca de 30G. Kevin não espera um grande final de semana.

"Eu diria que nossa expectativa é bem baixa", disse o segundo colocado do GP australiano em 2014.

"Estamos obviamente lutando com a confiabilidade e em fazer o carro funcionar durante muito tempo, mas, claro, este é um novo começo para a McLaren e que vai levar tempo. Mas foi na direção certa que a equipe decidiu ir, e eu acho que tem um futuro brilhante pela frente. Vai levar tempo, mas estou certo de que vamos chegar lá."

Magnussen afirmou ter tido contato limitado com Alonso desde o acidente.

"Eu não falei muito com ele. Só no Twitter, ele me desejou boa sorte, e eu disse 'obrigado'. Não perguntei como ele está se sentindo. Ouvi dizer que ele está indo bem, então só estou focando nesta corrida. Desejo-lhe tudo de melhor. Eu realmente não posso dizer muito mais."

Quando perguntado sobre a possibilidade de ser convidado para a correr novamente na próxima corrida, na Malásia, Magnussen afirmou: "Vamos ter que esperar. Eu não sei, não sou a pessoa certa para perguntar."

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Tipo de artigo Últimas notícias