Magnussen ironiza Kimi após acidente em Mônaco: "Não sei se ele bebeu..."

Finlandês tentou uma ultrapassagem "impossível" na Lowes e ficou enroscado com piloto da McLaren

Com várias quebras, acidentes, punições e carros de segurança na pista, o GP de Mônaco do último domingo teve todos os ingredientes que um GP de Mônaco costuma ter. Uma das batidas, aliás, foi um dos lances mais estranhos dos últimos anos, quando Kimi Raikkonen, já no final da prova, tentou ultrapassar Kevin Magnussen, mas acabou se enroscando com o dinamarquês e ambos ficaram parados na pista.

[publicidade] O piloto da McLaren não perdoou o finlandês. “Eu estava com problemas no motor, então Kimi conseguiu se aproximar. Mas não dá para ultrapassar na Lowes, pois os carros não conseguem fazer uma manobra tão fechada”, comentou o piloto à mídia de seu país.

Magnussen ironizou, perguntando de Kimi, conhecido por gostar de bebidas, estaria bêbado. “Eu não esperava que ele fosse fazer aquilo e fiz a curva. De repente vi a asa dianteira dele e parei de contornar a curva, mas já era tarde demais. Kimi acertou o muro e não conseguiu prosseguir. Eu não sei se ele andou bebendo ou o quê, mas ele não me viu e deu ré sobre minha asa dianteira”, explicou.

Parados na pista, ambos foram ultrapassados e Magnussen quase ficou sem ponto. “Nada pude fazer, pois ele ficou com o carro em cima da asa, e eu não queria danificar o carro. Então eu tive de espera-lo sair e acabei perdendo a posição, mas, por sorte, ele foi para os boxes”, disse o piloto, que terminou na 10ª colocação.

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Tipo de artigo Últimas notícias