Maldonado lamenta “pecado” no último pit, que custou primeiros pontos do ano

Williams brigou o tempo todo na zona de pontuação, principalmente com venezuelano, mas erro nos boxes comprometeu resultado

Voltando a andar bem depois de muito tempo, a Williams esteve muito próxima de conquistar seus primeiros pontos do ano, neste domingo, no GP da Alemanha. Tanto Maldonado quanto Bottas ficaram boa parte da corrida entre os 10 primeiros, mas a equipe cometeu erros nos pit stops dos dois pilotos, que chegaram em 15º e 16º, respectivamente.

“A estratégia foi correta, chegaríamos seguramente entre os 10 primeiros se não fosse o erro no último pit, que durou 20 segundos. Isto comprometeu o resultado”, lamentou Maldonado, que, sem este problema poderia chegar na 8ª posição.

“Estávamos lutando por boas posições, o ritmo estava bom. A força da Williams é a consistência e hoje mostramos isto mais uma vez, com duas paradas. Foi uma boa corrida, brigando o tempo todo pelos pontos”, destacou o venezuelano.

Para não repetir o erro nas próximas corridas, Pastor quer que o time treine mais, principalmente em relação às paradas. “A maior parte da corrida ficamos nos pontos. Foi um pecado perder pontos por um equívoco, ainda mais em um ano tão difícil. Tivemos nas mãos os pontos e agora é seguir trabalhando. Desde o engenheiro na fábrica, até a equipe aqui em relação aos pits. Precisamos melhorar sempre, para que nossas paradas fiquem mais eficientes e consistentes”, observou. 

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Pilotos Pastor Maldonado , Valtteri Bottas
Tipo de artigo Últimas notícias