Maldonado torce para inovações funcionarem em Nurburgring

Venezuelano reconhece que 13º e 14º lugares de Siverstone ficaram abaixo da expectativa da Williams

Maldonado afirma que gosta de Nurburgring

 

A Williams chegou a Silverstone animada com as novidades que trazia para o carro e a expectativa de ser uma das equipes menos afetadas pelas restrições ao difusor soprado. No entanto, saiu do GP da Grã-Bretanha com apenas um 13º e um 14º lugares.

“O resultado não foi o que esperávamos porque tivemos muitos problemas e vamos analisá-los. Cedo ou tarde vamos melhorar. Já vimos que melhoramos em classificação e agora precisamos fazer o mesmo na corrida”, reconheceu Pastor Maldonado, que largou em sétimo, mas caiu de produção ainda no início da prova.

Foi um balde de água fria para o time de Grove, que vem tendo dificuldades em fazer as inovações que introduz no carro funcionarem na pista. Para o próximo GP, na Alemanha, Maldonado torce para que as novidades melhorem efetivamente o carro.

“Veremos. É uma pista muito complicada, onde é necessário um bom equilíbrio no carro e esperamos que as mudanças que vamos introduzir funcionem, como aconteceu na Inglaterra. Gosto bastante de Nurburgring. É um circuito como Monza, Silverstone, desses que são históricos.”

(Colaborarou Luis Fernando Ramos)

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Pilotos Pastor Maldonado
Tipo de artigo Últimas notícias