Mark Webber vibra com interesse de rivais em contratá-lo

Acertado com a Red Bull para 2012, australiano abre a possibilidade de seguir na F-1 pelo menos nos próximos dois anos

Webber diz que é possível bater Vettel em 2012

Mark Webber pode não estar tendo um ano dos mais inspirados, sem nenhuma vitória em uam temporada na qual o companheiro Sebastian Vettel subiu por dez vezes ao lugar mais alto do pódio. Mas o australiano garante que teve muitas ofertas para se transferir a outras equipes.

O piloto, que assinou por mais um ano com a Red Bull em meados de 2011, afirmou que o interesse dos rivais antes de selar o acordo foi “incrível.”

“O que foi incrível neste ano foi a quantidade de retorno que recebi de outras equipes quando estava prestes a assinar com a Red Bull”, disse o piloto de 35 anos ao jornal australiano Daily Telegraph.

“Eles estavam muito, muito interessados em conversar comigo, o que foi um pequeno lembrete para mim de que as coisas estão indo muito bem.”

Após chegar a falar em aposentadoria, Webber considera os rumores de que 2012 pode ser sua última temporada “incrivelmente superestimados.”

“Para dizer o que farei em 2013 e 2014, precisamos de mais seis meses para ver como as coisas se encaminham.”

O australiano, inclusive, acredita que, mesmo após uma temporada difícil, em que chegou à frente do companheiro em apenas uma oportunidade, será possível bater Vettel em 2012.

“Sim, é possível, absolutamente. Já vi o bastante e, sabendo o quão apertadas estão as coisas, é possível.”

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Pilotos Mark Webber
Tipo de artigo Últimas notícias