Massa confia nos pneus mais macios para ir bem em Montreal

Brasileiro não vê a mesma história de 2010, mas acredita que a Ferrari esteja na direção certa para lutar pelas primeiras colocações

Massa está confiante na melhora do 150 Italia

A Ferrari chegou ao GP do Canadá em 2010 com Fernando Alonso em quarto e Felipe Massa em sexto no campeonato – semanas após ambos terem liderado a tabela. O time tinha se tornado a terceira força depois de um início promissor.

Em Montreal, Alonso chegou a liderar e lutou pela vitória com as McLaren, enquanto Massa bateu com Vitantonio Liuzzi na primeira volta, teve uma corrida cheia de problemas, mas mostrou que havia ritmo no F10.

No entanto, o brasileiro afirmou ao TotalRace que não vê a mesma história se repetindo neste ano.

“Acho que é muito difícil a gente comparar o ano passado com esse ano. Muita coisa mudou, os pneus são diferentes. A Red Bull ganhou muitas corridas em que, no ano passado, eles não foram bem. É muito difícil olhar para trás.”

Para Massa, o único alento é que serão usados os pneus macios e supermacios, a exemplo de Mônaco – onde, assim como em 2010, a Ferrari andou mais próxima dos rivais.

“Estamos indo para o Canadá sem o pneu duro e acho que isso é um lado positivo para o nosso lado.”

Mesmo que ainda não dê para lutar de igual para igual com os Red Bull, o piloto da Ferrari, oitavo no mundial após três corridas consecutivas fora dos pontos, acredita que o carro está se desenvolvendo na direção certa.

“Eu senti o carro melhor em Mônaco, mais competitivo, com chances de brigar pelas posições da frente. Foi uma corrida diferente das outras. Se tudo tivesse dado certo, poderíamos estar na briga pelas quatro primeiras colocações.” 

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP do Canadá
Pilotos Felipe Massa
Tipo de artigo Últimas notícias