Massa torce por melhoria da pista para próximos dias

Quarto colocado nos treinos de sexta, brasileiro crê que traçado emborrachado facilitará trabalho com os pneus em Cingapura

Felipe Massa em Cingapura

Quarto colocado nesta sexta-feira em Cingapura, Massa não teve um dia fácil. O brasileiro chegou a liderar parte da segunda sessão, mas o treino começou com um pequeno toque no muro com a roda traseira.

No fim, o piloto da Ferrari fechou o dia a sete décimos do líder Sebastian Vettel, e a cinco do companheiro Fernando Alonso, o segundo. Para o sábado, Massa torce pela melhoria da pista, o que facilitaria o trabalho com os pneus.
 
"Não foi fácil, falando dos pneus. Essa pista gasta bastante e o pneu macio acabou bem rápido, assim como o supermacio. Depois logo da primeira volta, o tempo já piorava. Mas essa é uma pista de rua, que melhora muito de um dia para o outro. Mas, sem dúvida, não será uma estratégia fácil", analisa o competidor, que espera brigar com as equipes da ponta da tabela.
 
"A gente teve uma sexta-feira média com os pneus macios e não muito boa com os supermacios, mas estamos melhorando bastante e, com a pista evoluíndo, conseguimos progredir com os macios. Pode ser possível brigar com a McLaren e, tomara, com a Red Bull", explica Massa. A dificuldade em ultrapassar também é destacada. 
 
"Não vai ser fácil ultrapassar aqui. O DRS só pode ser ativado em um lugar só, mas, mesmo se pudesse ser usado nos outros, não dá para passar por causa que a reta é muito curta. Com o desgaste alto dos pneus um piloto pode tracionar melhor que o outro na corrida, isso pode prejudicar a estrategia de uns e facilitar a de outros", afirma.
 
(Colaborou Luis Fernando Ramos, de Cingapura)

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP de Cingapura
Pilotos Felipe Massa
Tipo de artigo Últimas notícias