McLaren destaca dia razoável em Cingapura

Button consegue chegar ao Q3, enquanto Pérez lamenta acerto ruim levado do último treino livre para a classificação

Pole no ano passado com Lewis Hamilton, a equipe McLaren ficou mais uma vez, como na maioria das oportunidades neste ano: Aquém do esperado, com Button em oitavo e Pérez em um distante 14º lugar no grid de largada. Para Jenson, o treino foi mediano.

"O carro estava bom e eu diria que foi uma sessão de classificação razoável para nós”, falou o inglês.

“Ainda há um pouco de progresso a ser feito, mas estamos fazendo acertos para trabalhar neste fim de semana para melhorar o carro e estou feliz com isso. Vamos ver o que podemos fazer amanhã, de modo a fazer o melhor de onde estamos.”

“Vai ser difícil superar os carros à nossa frente, mas vamos ver o que pudermos. Dito isso, eu estou realmente ansioso por isso. É sempre uma corrida muito difícil aqui, mas é para isso que treinamos.”

Já Pérez ficou chateado em largar tão atrás após ter problemas com o rendimento de seu MP4-28 no Q2. "Foi uma sessão de classificação bastante decepcionante para mim. Eu acho que hoje nós deveríamos ter ido para o Q3. Basicamente, quando a pista ficou melhor no Q2, eu não pude melhorar meu tempo. Senti a traseira muito solta e eu, portanto, achei difícil maximizar o potencial do carro.”

“Eu acho que as mudanças que fizemos após o terceiro treino não ajudaram, e eu provavelmente perdi um pouco lá. Também no meu colo que eu tinha um pouco de tráfego, o que não quer ajudar. Para perder dois décimos aqui é muito fácil - e hoje nós fizemos isso.”

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP de Cingapura
Pilotos Jenson Button , Sergio Perez
Tipo de artigo Últimas notícias