McLaren se vê perto da Lotus e Force India foca no acerto

Equipes que disputam a quinta colocação no mundial de construtores fecharam o top 10 nesta sexta-feira na Coreia

Disputando o quinto lugar no mundial de construtores, McLaren e Force India dividiram as últimas posições no top 10 nos treinos livres para o GP da Coreia. Porém, Jenson Button acredita que seu MP4-27 deu um passo adiante em relação à última etapa, em Cingapura, e pode lutar mais à frente, com a Lotus.

“Acho que o segundo treino foi mais representativo do nosso ritmo geral. Mesmo que não tenha tirado o máximo do pneu supermacio em minha volta mais rápida, acho que começamos a entender as características de cada pneu. Em termos de performance, acho que podemos estar um pouco mais perto das Lotus do que em outras corridas”, afirmou o britânico, que fechou o dia em nono.

Rondando as últimas posições do top 10 durante toda a sexta-feira e terminando em 12º, Sergio Perez é menos otimista que o companheiro. “Se conseguirmos chegar nos pontos, será um bom resultado.”

Já na Force India, Adrian Sutil fechou em décimo, mas reclamando do acerto do carro. “Trabalhamos duro para encontrar o equilíbrio ideal, pois na manhã o carro saía de frente e, à tarde, de traseira. Então temos trabalho a fazer.”

Enquanto isso, Paul di Resta, 11º, se mostrou mais animado, ainda que reconheça a necessidade de melhorar em classificação. “O ritmo de corrida parece promissor e o desgaste de pneu parece comparável ao de nossos rivais, o que é um bom sinal. Precisamos trabalhar no ritmo em uma volta lançada.”

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP da Coreia
Pilotos Jenson Button , Paul di Resta , Adrian Sutil , Sergio Perez
Tipo de artigo Últimas notícias