Mercedes comemora "melhor resultado possível" na Índia

Michael Schumacher se recupera do 12º lugar no grid e chega em quinto, logo à frente do companheiro Nico Rosberg

Schumacher largou atrás, mas superou Rosberg na corrida

A Mercedes repetiu o bom desempenho da Coreia e colocou seus carros em quinto e sexto no GP da Índia. Michael Schumacher se recuperou da 12ª posição no grid de largada para superar o companheiro após uma ótima primeira volta e um bom ritmo na segunda metade da prova.

“Estou obviamente feliz com a corrida hoje. Atingimos o máximo que podíamos esperar e maximizamos nosso potencial como equipe. Meu carro estava bem acertado e muito estável. Na largada, escolhi não usar o Kers nas primeiras curvas para guardá-lo para a reta oposta, onde sabia que podia ganhar posições. No segundo stint, conservei meus pneus e consegui ficar mais tempo na pista para ficar na quinta posição. Agora, precisamos nos manter forçando e melhorar ainda mais.”

Nico Rosberg também comemorou o ritmo, mas lamentou ter chegado atrás do companheiro.

“Fiquei feliz em ganhar uma posição em relação à largada, ainda que minha estratégia não tenha sido perfeita e tenha perdido algum tempo na segunda parada, o que me fez ficar atrás de Michael. Tive um bom ritmo durante a prova e forcei bastante no final, mas não foi o suficiente para chegar nele. Estou confiante que possamos repetir esse rendimento nas próximas provas.”

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP da Índia
Pilotos Michael Schumacher , Nico Rosberg
Tipo de artigo Últimas notícias