Mercedes completa GP "caseiro" com dois carros na zona de pontuação

Schumacher se diz desapontado em ser apenas o sétimo, enquanto Rosberg, 10º, minimiza prejuízo após largar em 21º

Schumacher é sétimo em Hockenheim

A Mercedes saiu da corrida de hoje na Alemanha com gostinho de quero mais. Schumacher e Rosberg certamente esperavam resultados mais interessantes no final de semana em Hockenheim. O heptacampeão largou em terceiro e não teve bom ritmo durante a prova, chegando em sétimo e sendo obrigado a fazer uma parada a mais no fim da prova.

Começar em terceiro e terminar em sétimo não é o modo como gostaríamos de terminar. Mas, infelizmente, não deu para ir melhor”, disse Schumacher ao TotalRace. “É uma pena, porque eu adoraria ter dado algo a mais a todos nossos colegas da Mercedes-Benz que têm tanto nos ajudado”, concluiu.

Rosberg sofreu uma punição antes da classificação que lhe geraria a perda de cinco posições no grid. Além disso, a chuva atrapalhou o desempenho de Nico, que largou em 21º. Hoje, o alemão conseguiu minimizar o prejuízo ao chegar em 10º e conquistar um pontinho.

“Estou satisfeito. Obviamente não dá para ficar feliz com o fim de semana todo, mas um modo de virar isso hoje era marcar pontos. Em geral, foi difícil progredir, pois os outros escaparam na frente, mas está bom”, disse o filho de Keke Rosberg, campeão de 1982.

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP da Alemanha
Pilotos Michael Schumacher , Nico Rosberg
Tipo de artigo Últimas notícias