Mercedes não pode mais ser alcançada, acredita dono da Red Bull

Para Dietrich Mateschitz, time alemão já abriu vantagem suficiente para não ter liderança ameaçada

Depois de uma pré-temporada cheia de problemas, a Red Bull se recuperou rapidamente e já é apontada por todos como o segundo melhor carro da temporada. Na última corrida, Sebastian Vettel valeu-se da tática de três paradas e conseguiu até fazer a volta mais rápida da corrida, quebrando a sequência da Mercedes.

Mesmo assim, o dona da equipe austríaca Dietrich Mateschitz, não acredita que seu time possa impedir o título dos alemães este ano. “Com a vantagem que eles abriram, nós provavelmente não conseguiremos mais alcançá-los”, disse o empresário ao Bild.

No campeonato de construtores, a Mercedes já abriu mais 100 pontos para a Red Bull, segunda colocada (197 a 84). Muita coisa na opinião de Mateschitz.

[publicidade] "Mesmo que a gente volte a vencer corridas, os outros continuam marcando pontos, portanto acredito que a Mercedes já tenha pontos suficientes para não ter sua liderança ameaçada”, argumentou o bilionário, que fez questão de elogiar o adversário.

“Antes da temporada, não fizemos um trabalho tão bom quanto o da Mercedes e isso não deve ser ignorado. Devemos reconhecer quando alguém faz um trabalho excepcional”, completou. 

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Tipo de artigo Últimas notícias