Mercedes sai de Hungaroring com apenas dois pontos somados

Time que largou no "top 10" viu Rosberg completar em nono após erro na estrategia; Schumacher quebrou o câmbio

Nico Rosberg em Hungaroring

O saldo do GP da Hungria para a equipe Mercedes foi bem abaixo do esperado. Depois de uma classificação com os dois carros na zona de pontuação, o time tedesco somou apenas dois pontos com Nico Rosberg.

"Fiz uma largada decente e ganhei três posições, o que foi encorajador. No meio da corrida, os pneus macios não tinham mais aderência na pista extremamente úmida. Então, tomamos a decisão de colocar os pneus intermediários, mas a chuva não veio e tive de botar os slicks, perdendo posições", analisa o alemão.
 
"Somei apenas dois pontos, mas fui melhor do que no ano passado. Agora, estou ansioso para as corridas após o break. Spa e Monza são pistas de alta velocidade, nas quais o motor Mercedes deve ser um benefício", comenta.
 
Já Michael Schumacher abandonou por um problema mecânico e terminou sem pontos. "Tive um problema no câmbio que forçou meu abandono. Isso não teve nada a ver com a rodada que sofri quando lutava com Felipe, ocorrida justamente para evitar contato."

>> >> >> >> >> >> >> >> >>

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP da Hungria
Pilotos Michael Schumacher , Nico Rosberg
Tipo de artigo Últimas notícias