Mesmo com eliminação, Maldonado se diz orgulhoso por sua seleção

Para piloto, primeira semifinal na Copa América mostra que país "vai dar o que falar" nos esportes

Maldonado espera seguir na Williams em 2012

Pastor Maldonado acordou um pouco decepcionado hoje, com a eliminação da seleção de seu país, a Venezuela, na semifinal da Copa América, em uma decisão nos pênaltis contra o Paraguai. Mas o venezuelano destacou ao TotalRace a performance de sua seleção.

“Acordei cedo hoje para ver os últimos minutos e, lamentavelmente, nos eliminaram, mas fizemos um ótimo papel, eles jogaram muito bem e devemos estar contentes o orgulhosos do trabalho que fizeram.”

Para Maldonado, o feito inédito da seleção de futebol mostra que o esporte do país está caminhando no sentido certo.

“Pela primeira vez, a Venezuela chegou às semifinais da Copa América e isso quer dizer que a juventude do país está trabalhando muito duro, melhorando e, em pouco tempo, estaremos dando o que falar em todos os esportes.”

Quando a suas chances, o piloto da Williams disse que espera continuar na equipe em 2012.

“Espero estar aqui também no ano que vem, para poder levar a Williams de volta ao que foi um dia.”

(colaborou Felipe Motta, de Nurburgring)

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Pilotos Pastor Maldonado
Tipo de artigo Últimas notícias