“Minha segunda volta parecia ser boa”, cutuca Hamilton

Piloto perde pole para companheiro de equipe apenas pela segunda vez no ano e lamenta acidente de Daniil Kvyat

O acidente de Daniil Kvyat na aproximação para o hairpin com poucos segundos para o fim da classificação atrapalhou bastante a vida de quem tentava melhorar seu tempo em sua segunda volta do Q3.

O piloto saiu da pista e acertou violentamente a barreira de pneus, fazendo com que seu carro até capotasse antes de parar. Por sorte, o piloto não sofreu nada.

Lewis Hamilton, que havia dado uma travada na aproximação para uma curva em sua primeira volta rápida acabou sendo um dos prejudicados. O piloto acabou pela segunda vez no ano se classificando atrás do parceiro Nico Rosberg.

Perguntado sobre sua volta após o fim do treino, Hamilton reconheceu a derrota mas ironizou de leve a pole de Nico.

“Realmente não importa, mas a segunda volta parecia ser boa”, afirmou o inglês.

“Na primeira eu perdi um pouco de tempo na curva 11 e na última curva. Nico está guiando muito bem neste final de semana, mas Kvyat teve seu acidente e não consegui melhorar a volta.”

Após abandono em Cingapura, Hamilton está 41 pontos à frente de Nico Rosberg no campeonato.

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP do Japão
Sub-evento Sábado classificação
Pista Suzuka
Pilotos Lewis Hamilton
Equipes Mercedes
Tipo de artigo Últimas notícias