Montezemolo exalta vitória em Silverstone mas pede consciência

Dirigente destaca, principalmente, trabalho de equipe de pit stop, mas afirma que Ferrari precisa manter pés no chão

Luca di Montezemolo

Levou nove corridas, mais duas em 2010, e 259 dias para a Ferrari subir novamente no pódio. Para Luca di Montezemolo, o resultado foi motivo de celebração na fábrica de Maranello.

O dirigente fez questão de agradecer todos os membros da fábrica pela conquista. "Planejamos ganhar e isso se deve a vocês, por isso quero agradecer a todos", afirma.
 
"Vocês fizeram um ótimo trabalho e mostraram, cada um de vocês, como reagir em momentos difíceis. Vocês não perderam o coração e procuraram melhorar em todas as áreas", continua o dirigente, que fez elogios ao chefe da escuderia de F-1, mas destacou que a hora é de seguir consciente e trabalhando.
 
"Em Stefano Domenicali, vocês têm um chefe que provou ser um líder e os parabéns que dei para ele após a corrida vale para todos vocês. Agora, precisamos manter os pés no chão, algo que já estamos acostumados, já que sabemos o que significa vencer. Precisamos dar outro passo à frente, pois queremos vencer de novo neste ano: para ser bem-sucedido, precisa tentar e dar o melhor diariamente, tentando conquistar uma pole pessoal."
 
"Vencer na Inglaterra, terra natal da maioria de nossos concorrentes, é algo especial, e tudo isso aconteceu em um dia de um aniversario significante", destaca Montezemolo, referindo-se aos 60 anos da primeira vitória da Ferrari, obtida em Silverstone com o argentino Jose Froilan Gonzalez.
 
Por fim, o dirigente pediu aplausos especiais para os mecânicos que realizam os pit stops: "Dedicação, treino e atenção aos detalhes: é assim que vocês procuram melhorar em uma tarefa como essa. Em Silverstone, vocês foram perfeitos, então continuem assim."

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Tipo de artigo Últimas notícias