Mudança "do nada" no regulamento mudou o carro da Mercedes

O diretor técnico Paddy Lowe explicou que o carro de 2014 foi pensado em torno da suspensão FRIC, banida em julho

A Mercedes teve de rever seu projeto de 2015 depois que o sistema FRIC de suspensão foi banido “do nada” durante a temporada passada, de acordo com o diretor técnico Paddy Lowe.

[publicidade] A equipe foi uma das pioneiras no sistema, que integrava as suspensões traseira e dianteira e foi considerado ilegal a partir do GP da Alemanha, em julho de 2014.

Apesar da mudança não ter diminuído a vantagem da Mercedes sobre as outras, Lowe afirmou que o carro havia sido pensado em cima do FRIC, o que provocou mudanças importantes no projeto deste ano.

“O FRIC foi banido no meio do ano passado, do nada na verdade, então tivemos de reagir o mais rápido que podíamos. O carro de 2014 era baseado nele, era algo central no conceito da suspensão. Então com o FRIC ilegal em 2015 adotamos outra abordagem, mas houve muito tempo para reagir desde julho”, reconheceu Lowe.

“O carro tem algumas mudanças em termos de suspensão e o peso foi otimizado. Tentamos recuperar as vantagem que tínhamos com o sistema.”

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Tipo de artigo Últimas notícias