Na trilha de Vettel, Kyvat prega trabalho duro para ter sucesso na F1

Aos 20 anos, russo aprova sua passagem pela Toro Rosso e garante empenho para repetir sucesso de tetracampeão

Quando Sebastian Vettel passou a fazer parte da Red Bull, tinha 21 anos e uma passagem pela Toro Rosso, coirmã da escuderia austríaca. Após o sucesso do alemão – tetracampeão mundial e agora piloto da Ferrari –, a equipe chefiada por Christian Horner aposta suas fichas em outro jovem: o russo Daniil Kyvat, que, aos 20 anos, também já integrou o time da Toro Rosso.

[publicidade]Apesar da pouca idade – denunciada pelas espinhas em seu rosto –, Kyvat está confiante de que pode fazer uma boa temporada em 2015. O russo considera sua experiência na Toro Rosso importante para o amadurecimento na categoria. "No ano passado, eu queria mostrar um bom ritmo imediatamente e acho que consegui. Agora, posso me concentrar nas coisas certas na Red Bull e me preocupar em trazer o melhor resultado possível", disse.

Kyvat garante que não se deslumbrou com sua rápida ascensão no automobilismo – em menos de dois anos, saltou da GP3 para o cockpit de uma das principais escuderias da Fórmula 1. "Espero continuar trabalhando duro para conseguir coisas boas no futuro".

Embora não seja um fã dos simuladores, o russo afirma que o mecanismo tem sido útil para ajudar a construir um relacionamento com seu novo engenheiro na Red Bull. "Acho que é muito bom para a equipe ter o simulador, está me ajudando a construir um relacionamento com o engenheiro e a equipe. Simula o trabalho na pista, mas nada pode substituir a sensação de ter algo real nas mãos", explicou.

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Tipo de artigo Últimas notícias