"Não sou eu quem tem de entender, é quem fez o pneu", diz Massa

Ainda que a Pirelli fale em detritos na pista, piloto vê diferenças entre os dois pneus furados no Bahrein

Ainda que as análises preliminares da Pirelli tenham indicado que detritos na pista causaram ambos os furos nos pneus traseiros da Ferrari de Felipe Massa durante o GP do Bahrein, o brasileiro não acredita na versão oficial. Ao TotalRace, o piloto afirmou que foram duas situações diferentes.

“No primeiro furo, não foi nada ligado ao carro, mas sim à Pirelli. O pneu dechapou. Não sou eu quem tem de entender, tem a ver com quem construiu o pneu. No segundo, quando eu saí da curva, não tinha mais pneu. Posso ter passado por cima de alguma coisa.”

Sem as trocas fora de hora e o tempo perdido em decorrência dos furos, Massa acredita que ele e o companheiro Fernando Alonso, que também teve problemas, estariam, pelo menos, na luta pelas cinco primeiras colocações.

“Era outra corrida para marcar ponto. Não aconteceu por uma situação diferente. Tive um contato na primeira volta, mas não acho que isso prejudicou minha corrida, mas sim os pneus furados. Tudo deu errado, não só para a equipe, como também para o Alonso, que teve um problema que nunca tinha acontecido com a gente. Sem isso, era uma corrida para chegar entre os cinco.”

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP do Bahrein
Pilotos Felipe Massa
Tipo de artigo Últimas notícias