Nasr comemora ponto após final de semana difícil em Cingapura

Piloto consegue primeiro ponto desde o GP de Mônaco após corrida atribulada e ultrapassagem a duas voltas do fim

O GP de Cingapura foi bom para o brasileiro Felipe Nasr. O piloto da Sauber conseguiu fazer seu primeiro ponto desde o GP de Mônaco com um décimo lugar conquistado a duas voltas do fim, em uma ultrapassagem em cima da Lotus de Romain Grosjean.

Mesmo com a evolução do C34 da Sauber chegando em Cingapura, Nasr afirmou ter tido dia e evento complicados.

"Foi uma corrida muito difícil para nós hoje”, ressaltou.

“Nós tínhamos planejado uma estratégia de duas paradas, e sabíamos que seria difícil fazer isso e chegar aos pontos. Estava indo tudo bem enquanto eu estava no top-10 após o primeiro Safety Car. Infelizmente, quando o segundo Safety Car entrou, perdi temperatura dos pneus dianteiros. Quando o reinício aconteceu, meu ritmo não era bom o suficiente.”

“Eu perdi muito terreno e tive de deixar os pneus se recuperarem. No entanto, no final, eu fico muito feliz pela equipe e também por mim por ter marcado um ponto. Nós não tivemos um fim de semana fácil. É bom ter terminado a corrida com alguma satisfação."

Companheiro de Felipe, Marcus Ericsson chegou logo atrás, em 11º. "Não tive sorte, mas tive um ritmo bastante satisfatório.”

“No geral, foi bom que Felipe marcou um ponto, mas para mim foi um pouco decepcionante".

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP de Cingapura
Pista Singapore Street Circuit
Pilotos Felipe Nasr
Equipes Sauber
Tipo de artigo Últimas notícias