No sacrifício, Perez salva um ponto para a Sauber

"Atropelado" por Schumacher, mexicano anda maior parte da corrida com mesmo jogo de pneus; já parceiro Kobayashi foi apenas 14°

Sergio Perez

Um fim de semana que começou promissor, com os dois carros entre os dez nos treinos livres, acabou bem abaixo do esperado para a equipe Sauber.

No sacrifício, com apenas duas paradas e sendo "atropelado" por Michael Schumacher, Sergio Perez conseguiu salvar uma décima posição, enquanto Kamui Kobayashi foi punido por não respeitar as bandeiras azuis, recebendo a bandeirada apenas em 14°.
 
"Acho que o décimo lugar foi o melhor que pudemos conseguir. Estava em uma estrategia de duas paradas, mas tive de parar mais cedo por conta do furo do pneu no acidente com Schumacher, e tive de fazer um stint muito longo, mais da metade da corrida."
 
Para Perez, o alemão se precipitou: "Acho que Michael foi muito otimista com o que tentou. É uma pena ter perdido a posição para Massa no fim, mas os pneus estavam acabados e não pude me defender mais."
 
Já Kobayashi disse que não enxergou a sinalização de pista. "Foi um fim de semana muito difícil. Nosso ritmo foi bom no fim de semana, mas o tráfego e um erro de estratégia com o safety car na pista atrapalharam. Fiquei surpreso com o drive through, pois não vi bandeiras azuis."
 

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP de Cingapura
Pilotos Kamui Kobayashi , Sergio Perez
Tipo de artigo Últimas notícias