Oitavo, Alonso critica desempenho da Ferrari: 'Não soubemos nos adaptar'

Piloto espanhol pouco ameaçou, durante o treino, as primeiras filas do grid de largada para o GP da Rússia

Alonso saiu insatisfeito com o desempenho da Ferrari
As limitações da Ferrari deixaram Fernando Alonso na oitava colocação ao final do treino de classificação para o GP da Rússia. Uma posição à frente do companheiro Kimi Raikkonen, o espanhol deixou o carro insatisfeito pelo desempenho da equipe italiana.
 
[publicidade] “Foi uma das qualificações que fomos menos competitivos. Não soubemos nos adaptar ao circuito, mas tentamos marcar a melhor volta possível. Teremos uma corrida complicada, tomara que tenhamos uma surpresa amanhã (domingo)”, afirmou o espanhol.
 
Descrente com o desempenho da escuderia neste final de semana, Alonso espera por ‘incidentes’ para a Ferrari subir posições neste domingo, em Sochi.
 
“Será complicado. Teremos variantes se houver um ‘safety car’, temos visto nos último final de semana a bandeira vermelha. Se tivemos condições normais, vamos para uma parada, tentaremos largar bem, atacar na primeira curva”, contou o espanhol.
 
Enquanto Alonso largará na oitava posição, Kimi Raikkonen, companheiro de Ferrari, sairá na nona posição. Os dois pilotos da escuderia de Matanello terminaram mais de 1s atrás de Lewis Hamilton, da Mercedes, o pole position na Rússia.

Para o companheiro de Alonso, Kimi Raikkonen, contudo, o sábado foi positivo pela evolução demonstrada pelo carro em relação aos treinos livres. O finlandês larga em oitavo.

“Depois de uma sexta-feira difícil, as coisas foram melhores hoje: o carro melhorou muito graças a uma série de modificações que funcionaram e tivemos um bom ritmo. Está claro que não podemos dizer que terminamos onde gostaríamos, mas em comparação com o começo do final de semana, demos um passo adiante e isso me dá confiança para a corrida.”

Kimi reconheceu, contudo, que ainda não está 100% confortável com o carro. “Foi difícil acertar uma volta, pois ainda tenho alguma dificuldade com a dianteira, principalmente no último setor.”

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Tipo de artigo Últimas notícias