Organizadores do GP do Bahrein aguardam F-1 "num futuro próximo"

Comunicado fala em tom otimista sobre a volta da categoria ao país do Oriente Médio, indicando uma expectativa que isso aconteça ainda em 2011

O sol ainda não se pôs para a F-1 no Bahrein, esperam os organizadores

O prazo estipulado pela Federação Internacional de Automobilismo para uma decisão sobre a realização do Grande Prêmio do Bahrein ainda neste ano expira amanhã. E, se depender de um comunicado distribuído pelos organizadores neste sábado, a prova vai acontecer.

“O GP do Bahrein é um período de festa e organizar a corrida é um motivo de grande orgulho para o país e seu povo. É uma vitrine para o mundo e estamos animados para receber pilotos, equipes e todos os envolvidos com a Fórmula 1 num futuro muito próximo”, indicou o diretor do Circuito Internacional do Bahrein, Zayed Rashid Alzayani.

O dirigente barenita destacou ainda uma eventual melhora na situação do país. “Claro que nossa prioridade nacional é encontrar uma solução para as dificuldades que o reino do Bahrein está vivendo. A situação está movendo de maneira positiva, evoluindo o tempo todo; nosso cotidiano está melhorando de acordo com o atual estado de segurança nacional”, afirmou Alzayani.

No mesmo comunicado, Bernie Ecclestone também reservou palavras de apoio ao evento. “O compromisso do Bahrein com a Fórmula 1 foi claro desde o início. Enquanto o reino colocou seus assuntos nacionais em primeiro lugar, eu nunca tive dúvidas que restabelecer o GP sempre foi de suma importância. Em oito anos de minha relação com o Bahrein, sempre tive confiança de que eles produziriam algo especial”, disse Ecclestone que, há dois dias, pediu publicamente um prazo maior para decidir sobre o futuro da prova barenita.

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Tipo de artigo Últimas notícias