Para eventual saída de Kimi, Lotus tem um "plano B"

Eric Boullier diz querer manter finlandês na equipe para 2014, mas afirma que trabalha com outras opções

Com a ida dada como quase certa pela imprensa mundial de Kimi Räikkönen para a Ferrari quatro anos após ter deixado a equipe italiana e ter ido para o Mundial de Rali, o chefe de equipe da Lotus, Eric Boullier, diz ter outras opções para suprir o segundo cockpit de sua equipe na ausência do piloto.

O dirigente, embora reticente, vê no alemão Nico Hülkenberg um possível “plano B” para formar o time do ano que vem com Romain Grosjean.

"Ele teve um bom fim de semana e sabemos que Nico é um bom piloto e é rápido", disse Boullier após o GP da Itália, quando o alemão foi o quinto colocado, conquistando o melhor resultado da equipe Sauber no ano. "Eu o conheço há muito tempo, desde que ele corria na Fórmula BMW.”

"Nico também está na lista da Ferrari, pelo que entendi. Portanto, todos têm planos, se o primeiro não der certo, haverá um plano B”, assegurou.

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Tipo de artigo Últimas notícias