Para Maldonado, mudar para a Lotus foi "ótima decisão"

Ex-piloto da Williams viu time se destacar na pré-temporada enquanto teve seus treinos prejudicados pelo motor Renault

Sem a quilometragem desejada durante a pré-temporada após não conseguir deixar o carro pronto a tempo para a primeira bateria de testes em Jerez de la Frontera, no início de fevereiro, a equipe Lotus foi o time que menos acumulou rodagem.

Porém, o venezuelano Pastor Maldonado acha que está melhor na equipe de Enstone do que estava na equipe Williams, segundo time que mais andou na pré-temporada e que ficou com o segundo melhor tempo em Jerez e o melhor no Bahrein.

"Na minha opinião é a melhor decisão", disse ele. "Eu vi o carro pela primeira vez no túnel de vento e era fantástico.”

"É um carro completamente diferente, o carro mais interessante no paddock, o carro mais bonito e agressivo. Acho que eles fizeram um trabalho muito bom em termos de design.”

"Usando as regras e olhando para as pequenas particularidades do carro, o projeto parece impressionante e esperamos ter um bom carro durante a temporada."

Embora para time vá para a Austrália como, em termos de quilometragem, um dos menos preparados no grid, com Romain Grosjean prevendo que seja a equipe mais lenta com motor Renault, Maldonado acredita que o seu desempenho em Melbourne no próximo domingo não deva ser usado para dizer se o E23 é definitivamente bom ou ruim.

"Eu não sei se a minha decisão de trocar de equipe foi boa ou ruim para os resultados, temos que correr primeiro", acrescentou.

"A temporada é longa, vamos ver."

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Pilotos Pastor Maldonado
Tipo de artigo Últimas notícias