Petrov busca aprender carro e se diz contente com teste

Russo teve seu primeiro contato com o novo modelo da equipe Caterham e completou quase 70 voltas em Barcelona

Vitaly Petrov, novo piloto da Caterham

Depois de ser confirmado em cima da hora na Caterham, substituíndo Jarno Trulli, Vitaly Petrov teve seu primeiro dia de trabalho com o time malaio.

O russo completou quase 70 voltas e, mesmo ficando em penúltimo, se mostrou contente com o carro. Além disso, o piloto destacou o fato de ter de reaprender o carro, bastante diferente do Renault que estava acostumado.
 
"Eu acho que foi um dia muito positivo. Completamos 69 voltas e conseguimos mais do que planejamos. Nesta manhã tivemos alguns episódios com o banco e os freios, mas você espera isso de um novo carro e essas coisas podem ser consertadas rapidinho. À tarde, fizemos alguns long runs que nos darão muitos dados para trabalhar hoje e amanhã", conta.
 
"Fisicamente me sinto realmente bem. É claro, faz um tempo que não entrava em um carro, mas mantive minha forma e gostei de estar na pista, foi bom voltar. Esse carro se comporta um pouco diferente dos que já pilotei e tive de adaptar meu estilo para extrair o máximo disso. Esse carro responde bem a movimentos tranquilos, então é algo que posso trabalhar com os engenheiros", completa.

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Tipo de artigo Últimas notícias