Petrov vê GP da Bélgica como divisor de águas para a Renault

Russo confia que a equipe tenha superado os problemas que causaram a queda do rendimento em relação ao início do ano

Petrov brigando com Fernando Alonso na corrida do ano passado

Vitaly Petrov confia que a Renault tenha encontrado a chave dos problemas que atrasaram o desenvolvimento do carro e espera que o GP da Bélgica marque a virada na performance do carro. O russo foi o nono em Spa ano passado.

“Espero que nossos upgrades funcionem bem e vamos ver a partir daí onde estamos em termos de performance, mas conheço bem Spa-Francorchamps. Tive uma corrida forte lá ano passado. É um GP crucial para virarmos a página em nosso campeonato e estou confiante que podemos fazer isso.”

Para se ter uma ideia da queda da Renault, Petrov marcou apenas um ponto nas últimas quatro provas.

“A primeira metade da temporada não foi tão boa quanto esperávamos, claramente perdemos performance no carro quando chegamos às pistas européias. A equipe precisava de algum tempo para entender porque tivemos os problemas, e acho que está tudo claro agora.”

O piloto russo garantiu que é mais importante ir bem em um circuito tradicional como Spa.

“É claro que é importante fazer a Eau Rouge de pé embaixo. É um circuito famoso e muito amado, então significaria muito para mim ter um bom resultado.”

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP da Bélgica
Pilotos Vitaly Petrov
Tipo de artigo Últimas notícias