Pilotos da Lotus tiveram dias distintos nesta sexta-feira em São Paulo

Enquanto Raikkonen sofreu com problemas de motor pela manhã, Grosjean teve desempenho constante e andou o tempo todo entre os dez

A equipe Lotus teve um dia de grande contraste nesta sexta-feira em Interlagos. Enquanto Romain Grosjean conseguiu manter uma constância no "top 10", Kimi Raikkonen sofreu com um problema que o fez perder boa parte do primeiro treino livre.

Enquanto o francês também buscava acertar o carro em configuração de pista molhada, contando com a chuva prevista para o domingo, Raikkonen acabou tendo de compensar o trabalho perdido da manhã na parte da tarde.
 
"Foi um dia quente e ensolarado que não foi fácil para os pneus e falhamos um pouco. Foi difícil encontrar velocidade, mas seguimos nosso programa normal com foco em acerto de pista molhada, por conta da previsão para o domingo. Nosso long run foi bom, então vamos ver amanhã", fala o francês.
 
"Tivemos um problema de manhã, mas não foi o fim do mundo. Foi uma infelicidade perder tempo de pista, mas, tirando isso, foi um dia normal. Foi difícil encontrar um acerto, então tentamos algumas coisas. Sempre conseguimos melhorar para o sábado e é isso que pretendemos fazer", destacou o finlandês.
 

 

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP do Brasil
Pilotos Kimi Raikkonen , Romain Grosjean
Tipo de artigo Últimas notícias