Pilotos da McLaren afirmam que há mais por vir

Terceiro melhor do dia, Lewis Hamilton comemora o fato de estar mais próximo das Red Bull e crê que a corrida terá três paradas

Hamilton se manteve entre os três primeiros em ambas as sessões de treinos livres

A McLaren chegou à Malásia como a rival mais próxima da Red Bull – e o segundo e terceiro lugares de Jenson Button e Lewis Hamilton nos treinos livres de sexta-feira só confirmaram essa tendência.

Hamilton, no entanto, salientou que o time de Woking não está sozinho na briga com Mark Webber e Sebastian Vettel.

“Acho que há várias equipes na frente e está apertado, então deve ser uma boa corrida. As condições de pista estavam muito diferentes do frio da Austrália, então os pneus não duraram muito. Talvez tenhamos uma corrida com três paradas”, projetou o inglês, por meio da assessoria de imprensa da McLaren.

Jenson Button, que foi apenas o 15º na primeira sessão, mas terminou a segunda a apenas cinco milésimos do primeiro colocado Webber, está confiante em relação às mudanças que a equipe fez no carro.

“A segunda sessão foi bem melhor que a primeira. Tínhamos decidido seguir um caminho para resolver os problemas de Melbourne, mas a pista é muito diferente e voltamos atrás. O importante é que mudamos muita coisa no carro e foram todos passos positivos. Sentimos que achamos um caminho e há mais por vir”

O britânico reclamou para a equipe via rádio de falta de aderência nos pneus e afirmou que o comportamento da borracha foi mais parecido à degradação da pré-temporada do que o que ocorreu no GP da Austrália.

“Todos pareceram sofrer com a falta de aderência na parte traseira hoje. Os pneus parecem muito diferentes em relação ao que tínhamos na Austrália, mas é o que vimos na pré-temporada, então temos uma boa experiência com isso.”

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP da Malásia
Pilotos Jenson Button , Lewis Hamilton
Tipo de artigo Últimas notícias