Pilotos da Sauber reclamam do calor da Malásia

Kamui Kobayashi e Sergio Perez reconheceram que as altas temperaturas de Sepang atrapalham o rendimento do carro, que foi bem no frio da Austrália

Kobayashi reconheceu que a Sauber tem muito trabalho pela frente

A Sauber teve um dia discreto nos treinos livres para o GP da Malásia. Kamui Kobayashi e Sergio Perez se mantiveram em posições intemediárias, longe dos dez primeiros, ao contrário do que aconteceu na Austrália, e saíram do carro reclamando da interferência do calor no comportamento do carro.

“Mesmo que pessoalmente não me importe com o calor, realmente faz a diferença. Não posso reclamar dos pneus, que estão bem levando em consideração as condições climáticas. Contudo, temos dificuldades com o acerto. Temos que melhorar antes de tudo a estabilidade nas freadas”, afirmou Kobayashi, 14º colocado em ambas as sessões, por meio da assessoria de imprensa da equipe.

O japonês se manteve à frente de Perez durante todo o dia. O mexicano foi o 18º na primeira sessão e o 15º na segunda.

“É obviamente muito quente no carro e está claro que a corrida vai ser muito dura fisicamente. Temos trabalho pela frente para melhorar o carro para amanhã.”

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP da Malásia
Pilotos Kamui Kobayashi , Sergio Perez
Tipo de artigo Últimas notícias