Pirelli ameaça: "saída da Red Bull nos faria reconsiderar F1"

Fabricante de pneus da Fórmula 1 desde 2011, Pirelli crê que efeitos da saída de Red Bull e Toro Rosso podem ser devastadores

A Pirelli, fornecedor único de pneus da Fórmula 1, se confessou preocupada com as ameaças da Red Bull de deixar o esporte.

A fábrica está atualmente disputando com a Michelin um contrato para o fornecimento exclusivo de pneus para a Fórmula 1 a partir de 2017. Porém, o diretor de esporte a motor da Pirelli, Paul Hembery, diz que pode ser forçado a reconsiderar sua permanência se a Red Bull realmente sair da F1.

"Isso nos faria pensar bastante, sim", disse Hembery. "Perder dois times de alta qualidade e bem financiados nos preocupa."

"Eu sei que as pessoas dizem que as equipes vêm e vão, mas estamos falando de um investimento muito sério feito ao longo de um número significativo de anos pela Red Bull. Do nosso ponto de vista, isso enfraqueceria o esporte de uma forma dramática. Para nós, são duas equipes muito importantes".

"Nós admiramos o que eles fizeram pelo esporte em termos de desenvolvimento de pilotos. Eles trabalharam nas categorias de base trazendo pilotos até a Fórmula 1. Desde Sebastian Vettel aos quatro talentos que eles têm neste ano.”

"Eles também são um time que promove a Fórmula 1. Eles investem quantias significativas de dinheiro para ir a novos locais, correndo de F1 nas ruas das cidades para tentar criar interesse. Do nosso ponto de vista, como patrocinadores, o risco de perder duas equipes é um desastre significativo para a Fórmula 1."

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Tipo de artigo Últimas notícias