Pirelli comemora resultado, mas pede mudanças nos testes

Paul Hembery diz que fornecedora necessita testar com carros atuais e que episódio deve servir de lição

Após levar apenas uma reprimenda no julgamento realizado pelo Tribunal Intercional, a Pirelli, através de seu diretor esportivo Paul Hembery, comemorou o fato do júri ter entendido que não houve má-fé nem da fornecedora de pneus, nem da equipe Mercedes, nos testes realizados no último mês de maio.

“Em termos de resultado, foi muito bom ouvir que tanto nós, quanto a Mercedes, agimos de boa-fé, com base nas informações que tínhamos recebidos da FIA”, disse Hembery à Sky Sports News. “Espero que agora a gente possa voltar ao esporte”, continuou.

O diretor da Pirelli também disse que este episódio deveria servir inspiração para que algumas regras sejam mudadas no futuro. Hembery não vê sentido em testar apenas com carros de anos anteriores, como a FIA pede atualmente. “Ainda estamos testando com carros obsoletos, com verdadeiras peças de museu e tentando fazer o melhor, mas existe uma necessidade de testarmos com carros atuais”, observou, comentando sobre os testes que a Pirelli tem feito com os pneus que serão usados em 2014.

“Espero que nós todos tenhamos aprendido algumas lições. A verdadeira questão, como eu disse, é que precisamos testar com carros atuais”, finalizou.
 

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Tipo de artigo Últimas notícias