Pirelli desiste de estrear novo pneu no GP do Canadá

Sem acordo com todas as equipes, fornecedora vai ceder novo pneu para avaliação nos treinos livres em Montreal

A Pirelli decidiu não correr com as novas especificações de pneu na próxima etapa, no Canadá. A novidade será testada pelas equipes nos treinos livres, mas não poderá ser usada na classificação e na corrida.

A Pirelli modificou a construção dos pneus de 2013, trocando o aço pelo kevlar para evitar que os pneus dechapem, mas mantendo os compostos.

Cada equipe terá dois jogos dos pneus novos no Canadá e a intenção é que eles estreiem oficialmente na etapa seguinte, na Grã-Bretanha. O atraso ocorrerá porque a Pirelli não teve o apoio de todas as equipes para adiantar a estreia do composto.

A mudança de construção também pode alterar a maneira de funcionamento dos pneus, com as temperaturas ideais dos traseiros diminuindo em 5 ou 10 graus. Isso diminuiria a possibilidade de termos mais corridas como o GP da Espanha, em que a maioria dos pilotos optou pela estratégia de quatro paradas.

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP do Canadá
Tipo de artigo Últimas notícias