"Pode parecer estranho, mas nosso carro evoluiu", diz Domenicali

Chefe da Ferrari explica que equipe usou as últimas etapas para compreender motivos de ter perdido terreno

A Ferrari pode ter deixado a desejar em termos de ritmo na última prova e tem estado longe da luta pela vitória há algumas etapas, mas o chefe da equipe, Stefano Domenicali acredita que isso ajudou o time a encontrar novamente o melhor caminho para desenvolver o F138.

Desde o extenso upgrade que não funcionou como esperado na Grã-Bretanha, a equipe teve de dar um passo atrás e usar peças mais antigas para descobrir onde estavam as falhas.

“Pode parecer estranho, mas acredito que, depois de duas corridas muito ruins em termos de ritmo que tivemos em Silverstone e na Alemanha, na verdade melhoramos o carro. Pelo menos em classificação. Mas não para a corrida. E já sabemos o caminho para melhorar isso para Spa.”

O dirigente disse que não há razões para não acreditar no título. “Não há motivos para ir à imprensa e ser negativo, pois isso não ajuda a equipe. Acredito em minha equipe técnica e sei que eles vão reagir. É isso que quero ver.”

Para Felipe Massa, há motivos para crer que essa reação chegue já neste final de semana, em Spa. “Normalmente, nosso carro vai bem em curvas de alta velocidade. Então espero que a gente possa ter um ritmo melhor do que o demonstrado na Hungria.”

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Pilotos Felipe Massa
Tipo de artigo Últimas notícias