Pole, Hamilton se sente “abençoado” após grande trabalho da Mercedes

Pela quarta vez na posição de honra no Albert Park, britânico não triunfa no GP da Austrália desde 2008

Apesar de o W06 ter se mostrado o carro a ser batido até aqui, Lewis Hamilton esteve muito mais rápido que o companheiro Rosberg neste sábado na Austrália. O atual bicampeão do mundo anotou sua 39ª pole position na carreira com sobra de 0.594s ante ao rival alemão. O comando absoluto do britânico deu o tom das duas sessões de treinos disputadas hoje no Albert Park.

[publicidade]O piloto do carro 44 agradeceu à equipe pelo trabalho no inverno e ressaltou o grande equilíbrio de seu carro, bem acertado pelos mecânicos do time da montadora alemã.

“Foi um grande início para o fim de semana. Não parece que faz tanto tempo desde a última corrida que tivemos”, iniciou.

“Tivemos um grande esforço do pessoal na fábrica para vir aqui e ter esta performance. Me sinto muito abençoado. Conseguimos um bom equilíbrio para a classificação - um momento que você tem voltas rápidas e tem que dar o máximo. Me sinto feliz por todo o trabalho que foi realizado.”

Sem vencer corrida australiana desde 2008, o britânico espera finalmente sair com o troféu de vencedor da Oceania após o GP de amanhã.

“Tivemos inícios difíceis para as últimas temporadas aqui. Queremos, como equipe, um início melhor com os dois carros amanhã. Vamos dar o máximo amanhã para conseguir isso e vamos trabalhar esta noite pensando em como será a corrida. Será uma grande luta com Nico, obviamente.”

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Tipo de artigo Últimas notícias